Artistas

Conheça os artistas brasileiros que usam Zildjian.

 

Athos Costa

 

Boka

 

Caio Cunha

 

Christiano Galvão

 

Cláudio Infante

 

Dinho Gonçalves

 

Dinho Leme

 

Duda Neves

 

Edu Vianna

 

Eduarda Henklein

 

Fabiano Manhas

 

Fred

 

Gabriel Azambuja

 

Gel Fernandes

 

Giba Favery

 

Guilherme Martin Cersosimo

 

Guto Goffi

 

Haroldo Ferretti

 

Igor Cavalera

 

Igor Willcox

 

Jean Dolabella

 

Jorge Gomes

 

Jorginho Gomes

 

Junior Vargas

 

Leo Rodriguez

 

Luis F. Capano

 

Marco da Costa

 

Max Kolesne

 

Pascoal Meirelles

 

Paulinho Fonseca

 

Pupillo

 

Rafael Barata

 

Ricardo Confessori

 

Robertinho Silva

 

Rubén Zúñiga

 

Sallaberry

 

Thiago Nogueira

 

Tito Oliveira

 

Williams Mello

 

Zé Eduardo Nazario

Rubén Zúñiga

Nascido em Santiago do Chile em 1986, atualmente é membro da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo. Junto a OSESP tem se apresentado nas principais salas de concertos  do mundo, como a Concertgebouw, Berliner Philharmonie, Tonhalle, Royal Albert Hall, Salle Pleyel, Grosses Festspielhaus, Brucknerhaus, Konzerthaus de Viena, entre outras. Antes de ingressar na OSESP, foi Chefe de Naipe de Percussão da Orquestra Filarmônica de Minas Gerais, Percussionista/Assistente de Tímpano na Orquestra Sinfônica de Concepción e Timpanista/Percussionista da Orquestra Sinfônica Nacional Jovem do Chile.

Como músico convidado tem se apresentado junto a Orquestra Sinfônica do Chile e Die Deutsche Kammerphilharmonie Bremem.

Estudou Percussão na Universidade do Chile e participou do Seminário de Percussão Alan Abel na Temple University-EUA. Seus principais professores foram Patrício Hernández (Universidade do Chile), Mario Baeza (Universidade do Chile), Tom Freer (The Cleveland Orchestra), Christopher Lamb (The New York Philharmonic), Markus Rhoten (The New York Philharmonic).

Em 2008 ganhou o Concurso de Jovens Talentos da Orquestra Sinfônica de Concepción e obteve o segundo lugar na "International Mock Audition" - Pasic 2009 - Indianapolis-EUA.

Tem se apresentado no BBC Proms, Festival de Música Contemporânea de La Habana, Cuba, Festival Internacional de Inverno Campos de Jordão, Spane Proms, Rheingau Musik Festival, The Rest is Noise Festival, entre outros.

Como solista, tem se apresentado com a Orquestra Sinfônica de Concepción, Orquestra de Ouro Preto e Orquestra Experimental de Repertório. Na área de Música de Câmera, tem trabalhado com renomeados compositores como Thomas Adès, Magnus Linberg, entre outros.

Rubén é membro do Percorso Ensamble, dedicado a divulgação de obras do século XX e de hoje. Em contraste, também é membro do GPB, Grupo de Percussão do Brincante, que tem como objetivo a pesquisa e divulgação de ritmos brasileiros.

Em 2011 esteve entre os poucos convidados para participar da audição de percussão da Boston Symphony Orchestra.

Tem ministrado clínicas e masterclasses na Universidade do Chile, Universidade de La Serena, Boston Conservatory, Universidade de São Paulo, Universidade Estadual de São Paulo, Academia da OSESP, Universidade Federal de Minas Gerais, Universidade de Campinas, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Universidade Federal de Uberlândia, Faculdade de Música do Espírito Santo, Quinto Encontro Latino-americano de Percussão, Festival de Percussão de Manaus, entre outros.

Paralelo a OSESP, Rubén é professor de Percussão do Instituto Bacarelli, Artista Zildjian e Black Swamp Percussion Endorser.